Gênios das HQs também tentam chutar bundas na música

Gênios das HQs também tentam chutar bundas na música

Claro que há uma grande porção de idolatria por gênios neste post, mas é claro que eu tenho que compartilhar com vocês tudo isso.

Se você tiver a oportunidade de ler The Invisibles do Grant Morrison, Watchmen e V de Vingança do Alan MooreSandman de Neil Gaiman, vai entender como todas essas histórias, e muitas outras, foram desenvolvidas em uma cenário cultural extremamente específico e complexo. É claro que nisso estão trilhas sonoras e músicas extremamente marcantes. Os gênios também são apaixonados por música e evidentemente deixaram isso bem claro em suas obras.

O que pode supreeender você é que eles não apreciam somente a música. Eles também tocam, cantam, enfim. Pelo menos tentam. Preparado pra uma explosão mental? Muito bem.

Grant Morrison cantando e tocando violão na Meltdown Comics (28/7/11)

Esse post é culpa dele. Sério, essa apresentação recente do Grant Morrison cantando uma música que ele mesmo recebeu do John Lennon num ritual de magia (segundo ele) só pode ser um grande mindfuck. Tudo aconteceu num encontro do escritor com os fãs no fim do mês passado e, segundo a descrição do vídeo, provavelmente não vai acontecer de novo. De alguma maneira bizarra a voz dele nessa música me parece uma soma de Smashing Pumpkinse Oasis. LOL Detalhe para a presença do vocalista do My Chemical Romance, Gerard Way, que está lá e é um incrível escritor com direito a Eisner e tudo mais. Não duvide disso, leia The Umbrella Academy e me conte o que você achou depois.

Alan Moore, Downtown Joe Brown & The Retro Spankees – You Are My Asylum

Um combo de gente se juntou pra tocar e Alan Moore cantar. Óbvio, se eu soubesse tocar qualquer instrumento eu faria a mesma coisa. O encontrão aconteceu em alguma festa por aí e, poxa vida, ele não seria aprovado no American Idol mas com certeza ele já tem uma fanbase suficiente pra sustentar uma carreira até o fim da vida. Se você quiser ouvir a versão de estúdio, fique a vontade e clique aqui.

Amanda Palmer and Neil Gaiman – Jump

AHAHAHA, me identifiquei tanto, fico tão aterrorizada quanto o Neil Gaiman pra cantar em público. Pra quem não sabe ele é casado com a Amanda Palmer, vocalista do The Dresden Dolls e que agora segue fazendo shows solo por aí. Ele escreve diversas letras para ela, e com certeza ele faz isso muito melhor do que cantar.

Termino este post rindo muito. HAHAHAHAH. É muito amor no coração por esses caras.

Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *